Brazil Machinery Solutions

Schulz inaugura centro de distribuição próprio nos Estados Unidos




15 - setembro - 2020

Desde 1999 em solo norte-americano, o novo espaço permitiu que a empresa ampliasse o portfólio de produtos exportados

Há mais de vinte anos presente nos Estados Unidos, a Schulz inaugurou um centro de distribuição (CD) próprio, na região de Atlanta, Geórgia. Uma das maiores fabricantes de compressores da América Latina, a empresa tem sede em Joinville, Santa Catarina. 

A 150 metros da antiga instalação, a nova planta da empresa é mais que duas vezes maior que a anterior. Com 3600 m², o espaço permitiu que a fabricante catarinense ampliasse o leque de produtos oferecidos em solo norte-americano. “Com a ampliação do nosso portfólio no novo centro de distribuição e trabalhando conjuntamente com nossos dealers, espalhados por todo o país, conseguimos atingir em julho, mês de inauguração, o maior faturamento da história da Schulz of America nesses 20 anos”, comenta Fabio Juliano Rosa, gerente de exportações da empresa.

A fabricante participante do Programa Brazil Machinery Solutions — projeto setorial da ABIMAQ em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) — exporta compressores a pistão, a parafuso e scroll, além de componentes como cabeçotes para atender OEMs (sigla que designa os “Original Equipment Manufacturer” que, em tradução livre, significa “Fabricante Original de Equipamento”). “O motor dessa mudança que engloba o novo CD e a ampliação do portfólio foi aumentar a participação da Schulz no mercado americano através da maior diversidade de produtos, ganhando em market share”, relata Rosa.

A Schulz of America atende a seus clientes com a linha para trabalho pesado há mais de dez anos. Neste novo momento, implementou as novas soluções como a linha de compressores scroll, que trabalham sem oléo, para atender às indústrias que necessitam de risco mínimo de contaminação em sua linha de produção, como a de alimentos e de tecnologia. A adesão dos clientes aos novos produtos exportados acelerou graças à pronta entrega que o estoque maior e mais diversificado garantiu à empresa.

“Estar em solo norte-americano, com os produtos produzidos em Joinville, a pronta entrega, torna a empresa bastante competitiva”, afirma o gerente de exportações da Schulz. “Muitas vezes o cliente não tem condições de esperar mais de um mês para receber um produto importado, o fato de termos a solução para o problema dele de forma imediata e com um produto de qualidade torna-se bastante atrativo para a venda”.

Muitos destes clientes, alguns deles novos, são conhecidos como national accounts, que são empresas com lojas espalhadas por todos os Estados Unidos, permitindo a distribuição dos produtos da Schulz para mais de 30 estados.

Fabio relata ainda que parte do sucesso da Schulz of America se deve a um trabalho contínuo ao longo dos anos de implementar a marca de maneira sólida com o fornecimento de peças de reposição e assistência aos produtos exportados através dos dealers locais.